Dr. Silvio Gabor

Especialista em Gastroenterologia e
Cirurgia do Aparelho Digestório
Tel: (11) 3064-7088 | (11) 2339-7507



Esôfago de Barret



O Esôfago de Barret é uma condição que atinge a porção final deste órgão, caracterizada pela substituição das células de sua mucosa (camada interna). É uma complicação da Doença do Refluxo Gastro Esofágica (DRGE).

Pacientes com DRGE não tratados ou quando o tratamento clínico não é eficiente, tem as células da camada mucosa do esôfago, que não são preparadas para o contato com o conteúdo ácido do estômago que reflui, trocadas por outras mais resistentes ao ácido. Normalmente a substituição é por células semelhantes às da mucosa do intestino (metaplasia intestinal). Cerca de 10% desses pacientes podem desenvolver câncer de esôfago.

Não existe sintomatologia própria, e os pacientes apresentam sintomas parecidos com a DRGE.

O diagnóstico é feito pela endoscopia, onde nota-se a mudança do aspecto da mucosa. A biopsia de material colhido na endoscopia confirma ser Esôfago de Barret.

O tratamento inicialmente é clinico, com as mesmas medidas gerais e medicamentos da DRGE. Em alguns casos indica-se o tratamento cirúrgico, que tem os mesmos princípios do tratamento cirúrgico da DRGE.